Como emagrecer usando óleo de coco

O Verão já está aí, e você não pode mais ficar se perguntando como fazer para emagrecer, eliminar a gordura abdominal e ficar mais bonito (a) no verão. Preparamos este artigo para que você possa finalmente entender como emagrecer usando o óleo de coco à seu favor.

São muitos os muitos benefícios desse pequeno elixir não se limitam apenas à beleza externa, como na utilização em cabelos ou pele ressecada. O óleo de coco também está rapidamente se tornando o óleo mais indicado pelos nutricionistas para cozinhar.

Claro que ele deve usado com moderação e em conjunto com uma dieta equilibrada. Quando se trata de perda de peso, o óleo de coco está em uma uma vantagem surpreendente, em comparação com outros óleos de cozinha. 

Como o óleo de coco age no organismo

Tem a incrível capacidade de impedir o acúmulo de gordura , estimular o metabolismo e reduzir a fome. O óleo de coco mantém seu metabolismo trabalhando por 24 horas mais após o consumo, permitindo uma quantidade maior de queima de gordura e uma taxa de energia aumentada.

A boa notícia é que é tão fácil adicionar à sua dieta como qualquer outro óleo de cozinha. Este óleo não tem um gosto forte e pode ser utilizado em praticamente qualquer alimento, desde à fruta do café da manhã, no chá, até à salada do seu almoço, ou em preparo de carnes e legumes refogados.

Ingerir 20 minutos antes da hora das refeições

O óleo de coco é um inibidor natural do apetite, outra razão pela qual é útil para perda de peso de uma maneira que outros óleos de cozinha não são. O motivo? O óleo de coco é o que os cientistas chamam de “triglicerídeo de cadeia média”. A presença desse tipo específico de ácido graxo não apenas diminui nosso  acúmulo de gordura corporal , mas funciona como um inibidor de apetite  , aumentando a sensação de plenitude. Esta é uma das maneiras mais imediatas de usar o óleo de coco para perda de peso.

Dieta do óleo de coco

Este cardápio foi escrito originalmente em BoaForma

Café da manhã

Opção 1: Suco de mamão com óleo de coco (1/4 de papaia batida com 1 ameixa pequena, 1 col. (sopa) de óleo de coco e 1 copo (200 ml) de água ou água de coco) + 1 fatia de pão integral com 2 fatias finas de peito de peru light

Opção 2: Vitamina com óleo de coco (1 copo (200 ml) de leite de soja batido com 1/2 xíc. (chá) de morango (ou 1 polpa de morango congelado), 1 col. (sopa) de óleo de coco e gelo) + 2 biscoitos salgados integrais com 1 col. (sobremesa) de homus (pasta de grão-de-bico) ou creme de ricota light

Opção 3: 1 taça média de salada de frutas com 2 col. (sopa) de iogurte desnatado, 1 col. (sopa) de granola light e 1 col. (sopa) de óleo de coco

Opção 4: Suco com gengibre e óleo de coco (1 xíc. (chá) de morango fresco ou congelado batido com 2 fatias finas de melão, 1 col. (chá) de gengibre ralado e 1 col. (sopa) de óleo de coco e gelo) + 1 fatia de pão integral na chapa com 1 fatia de queijo branco e orégano

Opção 5: Suco verde com óleo de coco (2 rodelas finas de abacaxi batidas com 1/2 maçã com casca, 2 folhas de couve, 1/2 copo (100 ml) de água de coco e 1 col. (sopa) de óleo de coco) + 2 torradas integrais com 1 col. (sobremesa) de creme de ricota

Dica da nutricionista: Café ou chá sem açúcar à vontade (se quiser, use adoçante).

Lanche da manhã

Opção 1: 1 porção de fruta (1 pera ou 1 goiaba ou 1 maçã ou 10 uvas)

Opção 2: 1 barrinha de semente de gergelim ou de linhaça + 1 copo (200 ml) de água de coco

Opção 3: 1 barrinha de cereais integrais light + 1 xíc. (chá) de ervas (hortelã, cidreira, hibisco) quente ou gelado

Opção 4: 2 cookies integrais diet pequenos + 1 copo (200 ml) de água de coco

Opção 5: 1 caixinha (200 ml) de suco à base de soja light

Almoço

Opção 1: Salada de folhas verdes (alface, agrião, rúcula, mostarda), 1 col. (sopa) de rabanete ralado e 3 rodelas de tomate + 2 col. (sopa) de arroz integral + 2 col. (sopa) de feijão + 1 filé (120 g) de frango grelhado ou assado

Opção 2: Salada de folhas, 2 col. (sopa) de cenoura ralada, 2 buquês de brócolis no vapor e 1 ovo cozido + 2 col. (sopa) de purê de mandioquinha (ou de mandioquinha cozida) + 1 col. (sopa) de lentilha (ou grão-de-bico) + 1 filé (120 g) de peixe assado

Opção 3: Salada de folhas verdes, 1 col. (sopa) de legumes variados cozidos, 1 col. (sopa) de grão-de-bico e 3 rodelas de tomate + 1 col. (sopa) de couve refogada + 1 batata média cozida + 1 filé (100 g) de carne magra (patinho, alcatra) grelhada ou assada

Opção 4: Salada de folhas e 1 col. (sopa) de beterraba ralada (ou rabanete) e 1 col. (sopa) de cenoura ralada + 2 col. (sopa) de arroz integral + 2 col. (sopa) de lentilha (ou feijão) + 1 hambúrguer (100 g) de soja ou carne magra grelhado

Opção 5: Salada de folhas, 5 buquês de brócolis no vapor, 1/2 tomate picado e 1 ovo cozido em rodelas + 1 pegador de macarrão integral com 2 col. (sopa) de molho de tomate (ou 1 col./sopa de molho à bolonhesa)

Dica da nutricionista: Tempere a salada com 1 col. (sopa) de azeite extravirgem, limão e sal a gosto.

Veja também:

Alimentos saudáveis que ajudam a perca de peso

Sucos Detox – Para que servem e como eles podem lhe ajudar a emagrecer

Compartilhar

Comentários